WhatsApp

03588451805

Poços de Caldas - MG
POLICIAL MILITAR SOCORRE RECÉM-NASCIDO ABANDONADO EM MATAGAL NA CIDADE DE PARAGUAÇU - Poços em Dia ::Seu Portal Diário de Noticias::

Polícia

02/03/2018 às 23h04 - Atualizada em 02/03/2018 às 23h04

POLICIAL MILITAR SOCORRE RECÉM-NASCIDO ABANDONADO EM MATAGAL NA CIDADE DE PARAGUAÇU

Aparecido Roberto Junqueira
Poços de Caldas - MS
FONTE: Foto:Polícia Militar

POLICIAL MILITAR SOCORRE RECÉM-NASCIDO ABANDONADO EM MATAGAL NA CIDADE DE PARAGUAÇU

POLICIAL MILITAR SOCORRE RECÉM-NASCIDO ABANDONADO EM MATAGAL NA CIDADE DE PARAGUAÇU



Na quinta-feira, 01, na cidade de Paraguaçu/MG, a Polícia Militar da 64º BPM/18 RPM, foi solicitada através do 190, a comparecer na rua José Agnaldo Santos, onde havia uma criança recém-nascida, do sexo masculino, cor branca, enrrolada em um pano, abandonada em um terreno baldio, em meio a vegetação.
O 2º Sargento PM Annibal, de imediato prestou os primeiros socorros ao bebê, que apresentava ferimentos provocados, por formigas e outros insetos. Em seguida, o Sargento deslocou com o bebê até um pronto socorro, para que passasse por atendimentos médicos.


O recém-nascido foi atendido pelo médico plantonista Dr.Tarik, que após diagnosticar o estado gravíssimo, constatou que o bebê apresentava lesões nas nádegas, e próximo aos olhos. Por conta do estado gravíssimo, o bebê foi encaminhado para o hospital de Alfenas, onde ficou sob cuidados médicos. Segundo os vizinhos, próximos ao lote em que a criança foi encontrada, durante toda a madrugada, do dia 29 de fevereiro, para o dia 01, foram ouvidos choro, mas imaginaram ser barulho de gatos, então não se preocuparam em verificar.


Logo após a criança chegar ao hospital, a Polícia Militar recebeu ligação anônima, relatando que a mãe da criança, era a adolescente conhecida por Karina. Uma guarnição PM, foi à residência da menor, onde ela relatou que na data anterior, sentiu cólicas, e ao entrar no quarto, a criança nasceu. Por volta das 10h, após o nascimento, ela pegou a criança, com medo da família, enrolou-a em um pano e abandonou no terreno. Diante das alegações, a adolescente foi apreendida e conduzida para Delegacia de Polícia Civil, onde foi ouvida e liberada.

ESTA MATÉRIA FOI VISTA 165 VEZES

Comentários

Veja também

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados